Arquivo para categoria Smartphone

Como deixar o botão Home do seu iPhone/iPad/iPod mais sensível

Um dos problemas mais comuns dos donos de iGadgets é a sensibilidade do botão Home, que vai ficando pior com o passar do tempo. Por incrível que pareça, na maioria dos casos, isso não é um problema de hardware e pode ser resolvido recalibrando o botão. Como? De uma forma bem simples e estranha.

Abra algum app nativo do seu iGadget, como Relógio, Calculadora, Fotos. Pressione o botão Power (que fica na parte de cima do aparelho) e o mantenha pressionado até aparecer o slide Desligar. Nessa tela, pressione o botão Home e mantenha pressionado até ele sair do App e voltar para a tela inicial. Pronto! Teste o seu botão home e veja como melhorou.

Essa dica vale para iPhone, iPad e iPod. Inclusive nas versões mais antigas, como iPhone 3G.

Obs: Se não funcionar, tente fazer o mesmo procedimento com outro app nativo. Se mesmo assim não der certo, é porque o problema é de hardware mesmo, ou seja, o mecanismo do botão já está gasto.

2 Comentários

Compartilhe os seus Lembretes e Calendário

Já pensou em ter uma agenda da família, onde você, sua esposa (ou seu marido) e até mesmo os filhos pudessem compartilhar seus compromissos e eventos? Por exemplo, as reuniões   escolares, período de férias, festas de casamento, compromissos particulares, etc. Tudo isso sendo compartilhado e atualizado por todos, de forma colaborativa, aumentando a organização da sua família?

Ou então você e seus amigos estão organizando um churrasco para o próximo final de semana, e quer compartilhar com eles alguns lembretes, avisando-os das tarefas que dividiram, evitando assim que aquele mais esquecido pise na bola?

É possível fazer isso e outras coisas usando o Calendário e Lembretes que agora estão na iCloud. Funciona assim: você cria um calendário ou uma lista de lembretes na nuvem da Maça e compartilha com outras pessoas. Essas pessoas podem apenas vê-los ou editá-los. Assim, vocês podem colaborar com uma agenda ou avisos de compromissos em comum de forma rápida e fácil. Para isso, é necessário que as pessoas tenham algum iCoisa da Apple com o IOS 5. Explico abaixo como usar essa excelente funcionalidade, que por sinal é pouco conhecida.

Compartilhe sem perder tempo

Comece criando uma lista de lembretes e/ou um calendário  dentro da iCloud. Por exemplo “Lembretes dos Filhos” ou “Calendário da Família”. Você pode usar os próprios apps do IOS 5 para criá-los. Basta abrir a lista, pressionar Editar e adicioná-los.

O próximo passo é compartilhá-los com outras pessoas. Infelizmente a Apple esqueceu de colocar essa opção no IOS 5. Dessa forma, a única forma de compartilhar é através o site icloud.com , entrar com o seu Apple ID, e acessar o Calendário.

Após abrir o seu Calendário, verá que as sua nova lista de lembrete e calendário estão disponíveis do lado esquerdo da página. Clique no botão Compartilhar, que aparece logo ao lado do nome, adicione o email da pessoa (precisa ser o Apple ID) e clique em Compartilhar. O ícone ficará verde, indicando que o seu calendário ou lembrete está compartilhado. Clicando novamente nele, você poderá adicionar outras pessoas e alterar e o nível de acesso – edição ou leitura. Há ainda há uma opção para te avisar a cada atualização que as pessoas efetuarem no calendário ou lembrete compartilhado.

Pronto, simples assim. As pessoas receberão um email para aceitar o seu convite. Após o fazerem, o seu calendário e lista de lembretes ficará disponível no iPhone/Ipod/Ipad delas. Qualquer adição e alteração que efetuarem, será replicado para todos em questão de segundos. É realmente muito rápido.

Dicas importantes

  • O seu convidado precisará abrir o email para aceitar o convite em algum computador, pois devido a algum bug, caso o faça pelo Safari do iGadget, aparecerá  um erro de página não localizada
  • Apenas na etapa de compartilhamento é necessário acessar o site icloud.com. Após isso, todas as atualizações podem ser feitas diretamente no iGadget.
  • No IOS, abra Ajustes > iCloud e confirme se o Calendário e o Lembrete estão habilitados. Todas as pessoas que fazem parte do compartilhamento precisam ativá-los para que as atualizações sejam enviadas à nuvem.

Limitações

Essa é uma excelente funcionalidade para organização de um grupo de pessoas, porém ao começar utilizar você irá se deparar com algumas limitações. Você não conseguirá, por exemplo, fazer um gerenciamento dos acessos, permissões ou impedir que algum compromisso seja deletado. Você perceberá que quando alguém atualiza o calendário ou lembrete, as apps não te enviarão nenhuma notificação – receberá por email se deixar esta opção ativa lá no site icloud.com. Certamente há muito para ser melhorado, e esperamos que a Apple o faça em versões futuras.

2 Comentários

iOS 5 – Meu primeiro contato

A nova versão do sistema operacional da Apple saiu no Dia das Crianças e muita gente aproveitou o feriado para  brincar as com suas novas funcionalidades. Eram tantas pessoas trocando o parque da Mônica pelo iOS 5 que os servidores da Maçã ficaram congestionados. Logo começaram a brotar choradeiras no Twitter, Facebook e Forums, como se estivessem negando um presente para os guris.

Minha experiência também não foi das melhores. Logo que conectei o iPad no iTunes , recebi um aviso que uma versão mais atual estava querendo fazer parte dele. Depois deu um download de 730MB, que não demorou muito, teve início a instalação. E aos erros. Basicamente, era:

– Backup do dispositivo (10min) -> Descompactando Software (2min) -> Conectando nos Servidores da Apple e Erro.

Várias pessoas tiveram o mesmo problema, exatamente no momento da conexão com os servidores da Maçã mordida. No meu caso era o erro 3194 que assombrava o final do meu dia de criança. Depois de umas 8 tentativas, o erro se foi, e consegui prosseguir com a instalação, não levando mais do que 10 minutos para concluir.

Assim que meu iGadget retornou a vida com sua nova alma, um backup foi recuperado e apareceram os primeiros sinais da era da nuvem: a configuração do iCloud. Inseri o meu ID da Apple, habilitei o iCloud, escolhi abandonar o Backup do iTunes e transferí-lo para o novo lar e o surgiu o segundo problema: O backup no iCloud falhou. Tentei várias vezes e ele se recusava a ir para sua nova casa. Acabei desistindo, selecionei a opção para deixar com o backup no iTunes e continuei.

Depois de ativar o Find my iPad – finalmente incorporado nas entranhas do sistema – a configuração terminou e teve início a sincronização dos apps, email, fotos, vídeos e tudo mais que existia antes da atualização. Nesse momento notei a primeira grande novidade: a sincronização rodava em paralelo, enquanto eu podia navegar e utilizar o iOS normalmente, sem o impedimento chato que existia antes de deixá-lo bloqueado na tela de sync.

Logo comecei a testar as novidades que lembrava ter lido por tantos dias. Poder alterar entre as aplicações movimentando os 4 ou 5 dedos para a direita e esquerda realmente é muito legal. No iPad , não preciso mais pressionar o Home para voltar para a Tela de Início: basta “fechar” os dedos sobre a tela, fazendo o famoso gesto do Serginho Malandro. Com o movimento com os dedos para cima, aparece a barra multitarefa. O botão Home ficou praticamete inutilizado.

As primeiras apps que eu batizei foram: iMessage, Reminders, Email e Sincronização Wi-fi. Eis o que aconteceu:

Trocando mensagens no iMessage

Ele é muito simples, parecido com o Message existente no iPhone. Adicionei alguns amigos (precisa do ID da Apple deles), e enviei textos, imagens, vídeos e funcionou muito bem. Vejo quando a minha mensagem é lida e quando estão respondendo. Uma dica para os donos de iPhone: Esse app substitui o Message. Ou seja, você irá utilizá-lo para enviar tanto SMS quanto iMessages. Se o seu contato não possuir um iOS 5, ele tentará enviar SMS, que será cobrando do seu plano telefônico. As mensagens contidas nos “balões” azuis são as do iMessages. Já os balões verdes indicam o que foi por SMS.

Reminders, o patinho feio

Ele não vai me lembrar de muita coisa, porque provavelmente não o utilizarei com frequência. Primeiro porque a sincronização com o Calendário não funciona. Segundo porque o lembrete por localidade só funciona em iPhone e iPad 3G, já que utiliza o sinal GPS . Dessa forma ele vira uma lista simplificada de “To Dos” com hora marcada. Nada diferente da centena de apps já existentes para o mesmo fim, com a vantagem nanica de ir para a iNuvem. Mas talvez, se a Maçã resolver lançar o Siri para Ipad 2, fique mais simples e adicionar lembretes nele e pode se tornar mais útil.

Dores de cabeça com a Sincronização por Wi-Fi

Está ai uma mudança que não funcionou muito bem comigo. Para ativar a sincronização via wireless, é necessário conectar o iGadget com o cabo USB no PC e marcar a opção “Sincronizar com este Ipad via Wi-fi” no iTunes. Depois, mesmo desconectando o cabo, o dispositivo ficará aparecendo no iTunes, podemos gerenciar e sincronizar tudo via  Wireless, o que é um pouco mais lento, mas muito mais prático.

Uma outra forma de sincronizar é pelo iOS 5, indo em Ajustes, Geral, Sincroniz. via Wi-fi c/iTunes. E ainda há a sincronização automática, quando você conecta o aparelho na tomada. Mas, pelo menos pra mim, um terço das tentativas falharam porque o meu PC e o iPad não se achavam. Pareciam pai e filho perdidos no parque de diversões. Quando isso acontecia, eu precisava sincronizar com o cabo conectado para que os aparelhos se encontrassem novamente.

Email modesto

O App Mail teve melhorias modestas. Algumas delas:

  • Na lista de mensagens, no botão Editar, aparece uma opção a mais: Marcar. Com ela temos duas funções novas: Sinalizar a mensagem (com uma bandeira) e marcar como Lida / Não Lida.
  • A formatação do texto (negrito, itálico e sublinhado) e citação aparecem pressionando 2x sobre o texto.
  • No iPad, deixando na posição de paisagem, aparece a lista de emails e caixas do lado esquerdo.
  • É possível pressionar e arrastar o nome das pessoas entre os campos Para, CC e CCo, excluindo a necessidade chata de ter que digitá-los novamente.
  • Em Ajustes > Mail, Contatos, Calendários > Assinatura, pode-se adicionar uma assinatura no formato Rich Text, porém infelizmente ainda não funciona com imagens

A Maçã orfã ficou devendo melhorias que são possíveis através do JailBreaker, como ter assinaturas diferentes para cada conta, aceitando html e regras de envio e recebimento de email. Mas fica a esperança que olhem com mais carinho nossa queria app Mail. Afinal, ela merece um presente melhor.

Há muitas outras funcionalidades que irei testando e postando sob demanda. Já tenho em mente que essa é realmente a melhor atualização do iOS. Apesar de todas as melhorias já existirem em algum lugar – seja um app de terceiro, seja no Android – a principal virtude da versão 5.0 é unir todas elas em um pacotão, com integração com o iCloud. Isso é suficiente para melhorar a experiência que temos com nossos brinquedinhos, e torna a atualização quase obrigatória para seus usuários.

Deixe um comentário

O “novo” Iphone 4S

Muito se falou do novo Iphone nesses últimos meses. Muitos esperavam que a Apple anunciaria hoje o Iphone 5, com um novo design, novo hardware, câmera melhorada e alguma surpresa que levaria as pessoas a amá-lo e desejá-lo. De fato foi anunciado um novo Iphone, mas não foi bem como a maioria esperava…

A Apple manteve a tradição de lançar uma nova tecnologia a cada 2 anos, intercalando com um upgrade da versão atual. Foi assim com o Iphone 3G / 3GS, e o mesmo com o 4 / 4S. Resumindo as melhorias do Iphone 4S, temos:

  • Mais rápido: processador dual-core, o A5, o mesmo do Ipad 2
  • Melhor processamento gráfico: o desempenho gráfico pode ficar até 7x mais rápido com o A5. A Apple demonstrou o vídeo do jogo Infinity Blade 2 (abaixo) que impressiona.
  • Câmera de 8 megapixels: gera fotos com resolução até 3264×2448, além do novo sensor que capta 73%. As fotos agora parecem de uma camera comum. Com o novo processador, é possível tirar fotos com intervalos de 0,5 segundos. Muitos mais rápido. E a filmagem é Full HD.
  • Melhoria do Wifi / 3G: as novas antenas prometem download de até 14.4Mpbs, o dobro da versão anterior. É a mesma velocidade que outros smartphones que suportam 4G esperam atingir.
  • Suporte a GSM + CDMA: o novo modelo é híbrido, suportando ambas as redes
  • iOS 5 e iCloud: assim como os outros dispositivos da Apple, o novo sistema operacional vai adicionar diversas melhorias, como integração Twitter e novo sistema de notificação. E terá suporte total ou iCloud, sendo possível compartilhar fotos, músicas, vídeos, documentos entre todos os aparelhos da maçã. O iOS 5 será disponibilizado para download dia 12 de Outubro.

Tabela comparativa do Iphone 4 e 4S

 

Teaser do Infinity Blade 2, demonstrado no evento:

 

Resumo do que se pode fazer com o iCloud:

 

A “surpresa” do dia ficou para o assistente pessoal de Voz, chamado Siri. É um software que utiliza inteligência artificial de reconhecimento de voz, fazendo com que ele “aprenda” com o tempo, e reconheça mais facilmente a sua voz. Devido a isso, você não precisará falar frases prontas para ele entender. Ele poderá interpretar o que você está dizendo e, a partir dai tomar alguma ação, como: fazer ligação, adicionar um compromisso no calendário, responder um SMS, ler um email ou verificar a previsão do tempo. Com o tempo, os desenvolvedores de apps devem usar a integração com o Siri, tornando ilimitado as possibilidades dele. Por enquanto, irá suportar apenas Inglês, Francês e Alemão, mas será expandido para outros idiomas com o tempo.O Siri funcionará apenas no Iphone 4S e talvez no Ipad 2.

Veja o vídeo demonstrativo do Siri:

 

A Apple também atualizou os preços. Vai vender o modelo do Iphone 4 8GB por 99 dólares, e o 3GS sai de graça no contrato pós-pago. Já o novo 4S, Custará US$ 199,00 (16GB), US$ 299,00 (32GB) e US$ 399,00 (64GB) nos pós-pago.

Resta a dúvida de como ficarão os preços no Brasil. O site da Apple brasileira foi atualizado hoje, e na página do Iphone 4 diz “Tudo nele é impressionando, inclusive o preço”. Mas ainda não publicaram o valor. O modelo de 16GB custava R$ 1.799,00. Os 100 dólares de redução lá fora, deve refletir em R$ 150-200 aqui. Porém, há rumores de que em Dezembro teremos o Iphone fabricado aqui no Brasil, e isso sim pode fazer com que o preço caia. É esperar para ver.

Deixe um comentário

Está chegando o iOS5

Falta pouco para o lançamento do tão aguardado iOS5. A provável data é o dia 4 de Outubro, quando a Apple deve anunciar também o Iphone 5, e possivelmente o Ipod 3G e um modelo mais simples e barato do Iphone 4. O iOS5 virá com mais de 200 mudanças e será compatível com o Iphone 3GS, Iphone 4, Ipod touch 3º e 4º geração, Ipad e Ipad 2.

A melhoria mais significativa para mim é a integração com o iCloud. Como você verá na lista abaixo, muitas mudanças serão inerentes a nuvem da Maçã. Poder gravar praticamente tudo na nuvem, compartilhando com todos os outros aparelhos da Apple, realmente é um grande avanço. E o iCloud tem potencial para muitas coisas novas que devem pintar no futuro.

Algumas mudanças fará você pensar “já vi isto antes“. O novo sistema de notificação é muito parecido com o do Android. O iMessage é quase um irmão gêmeo do Whatsapp. E por ai vai. Mas não deixam de serem excelentes – e necessárias. Infelizmente estou vendo poucas alterações no que se diz respeito a customização. Brincar com temas, ícones, explorar as pastas, background animado (V-Wallpaper), são coisas que continuarão requerindo JailBreaker.

Compilei abaixo uma lista com as 15 pricipais mudanças:

iMessage: Talvez essa seja a mudança que mais agrade aos brasileiros. Esse novo app permitirá a troca de mensagens entre Iphone, Ipod e Ipad através de Wi-fi ou 3G, sem nenhum custo. Será possível enviar fotos, vídeos, contatos e ver quando a pessoa está digitando. Algo parecido com o bem conhecido Whatsapp, com a vantagem de funcionar no Ipod e Ipad. A desvantagem é que só funciona com os aparelhos da maçã com iOS 5.

Notification center: Uma das principais reclamações dos usuários é o sistema atual de notificação. É irritante quando você está fazendo alguma coisa, como jogando ou mostrando fotos para os amigos, e de repente surge na tela uma notificação interrompendo a sua atividade. O novo sistema de notificação é muito parecido com o do Android – uma lista customizável com todas as notificações que aparece quando você arrasta a barra no topo da tela. Essa lista também pode ser configurada para aparecer na lock screen. Muito melhor para visualizar e gerenciar.

PC Free: Temos aqui uma mudança significativa, impulsionada com a chegada do iCloud. Além de não ser mais necessário conectar no iTunes para ativar o aparelho, teremos outras melhorias, como:
– Todos os apps ficam disponíveis no iCloud, podendo ser atualizados e reinstalados diretamente pela Apple Store do aparelho
– O Backup/Restore também será feito pelo iCloud
– Fotos, músicas, calendário, reminders, livros ficarão salvos no iCloud, podendo ser acessados por qualquer aparelho com iOS, através do seu ID @me.com

Multitasking Gestures: É uma das melhorias que eu mais gostei para Ipad. Movimentando 4-5 dedos para cima, ele mostrará a barra multitarefa. Se movimentar os 4-5 dedos para esquerda ou direita, você irá alternar entre os apps abertos. Algo parecido com o alt+tab. Será possível criar outros atalhos para os “gestos”.

Reminders: Uma função bem interessante para quem usa o aparelho como organizador pessoal. Com ele será possível criar uma lista de lembretes, configurando o alerta para determinado horário ou localidade. Por exemplo, ele pode te lembrar de comprar um presente de aniversário ao chegar no Shopping. Terá integração com o Calendário e iCloud, ou seja, a mesma informação será compartilhada entre todos os seus aparelhos da Apple.

Newsstand: Muito parecido com o iBooks, porém específico para assinatura de revistas e jornais. Melhora a organização, já que não será mais necessário ter diversos apps separados para cada assinatura. Resta saber se as revistas tupiniquins irão aderir ao Newsstand.

Integração com o Twitter: alguns apps, como Safari, Photos, Camera, Maps e Youtube terão integração com o Twitter. Dessa forma, você poderá twittar e compartilhar diretamente deles.

Camera: Haverá um ícone na lock screen para abrir o app da Camera, onde você poderá utilizar o botão de volume para tirar as fotos. O app Photos vai ter algumas melhorias, como funções para recortar, rotacionar, melhorar a qualidade e retirar olhos vermelhos.

Safari: A Apple adicionou um “modo leitura” no browser, que basicamente remove os menus e propagandas da página, deixando apenas o conteúdo que interessa. É possível adicionar o artigo em uma lista de leitura, para você poder acessar futuramente. Essa lista fica na iCloud, disponível para todos os seus aparelhos da Apple. Além disso, finalmente o Safari terá abas e uma performance melhor.

Gerenciamento de Espaço: Uma lista dos apps instalados mostrará quanto de espaço cada um ocupa. Para fazer a limpeza, será possível removendo os apps, arquivos salvos em jogos, músicas, vídeos, etc. Em uma outra opção, será possível gerenciar também o espaço utilizado na iCloud.

Mail: Pequenas melhorias aqui. Adicionaram funções de formatação de texto (itálico, negrito), marcar mensagens importantes, adicionar e remover pastas, fazer busca pelo conteúdo do email, entre outros.

Wifi Sync: Ao conectar o seu aparelho na tomada para recarregar, ele automaticamente via sincronizar com o iTunes via Wireless.

Game Center: A maior mudança aqui é a possibilidade de comprar e instalar os jogos diretamente pelo app. A interatividade com os amigos melhorou um pouco, com recomendações de jogos e mais achievements.

AirPlay Mirroring: Essa função virá disponível apenas para o Ipad 2. Será possível compartilhar a tela do table com uma HDTV via wireless, usando o Apple TV (custa 99 dólares)

Teclado: Você poderá criar atalhos para palavras ou frase. Por exemplo, digitando BM, automaticamente será convertido para Bom dia!. Outra melhoria, mas essa para Ipad, é a possibilidade de dividir o teclado no meio, facilitando a digitação.

Esse é o vídeo oficial da Apple demonstrando algumas das mudanças acima:

Outras mudanças de menor importância:

  • Fazer download e instalar vários apps ao mesmo tempo
  • Melhoria da qualidade do Face Time e vai funcionar no 3G
  • App de dicionário interno, permitindo criar/adicionar as próprias palavras
  • Fim na necessidade de baixar todo o iOS para instalar uma versão nova. Você baixará apenas os arquivos que foram alterados.
  • Melhorias nos apps do Calendário (visão por ano) e Tempo (temperatura por hora)
  • Controle de balanço de Esquerda e Direita dos headfones.
  • O app Find my Iphone será nativo e integrado com a iCloud
  • Reconhecimento do Voz
  • Várias opções para acessibilidade
  • Melhoria do app Music para Ipad

E você, o que você achou do iOS 5?

Deixe um comentário